Resiliência: Como montar uma equipe de trabalho com esse perfil?

04/06/2020

Consultora dá dicas para empresas alcançarem resiliência com equipes de trabalho

Profissionais de RH relatam que a busca por uma equipe de trabalho resiliente, ou seja, que é capaz de se recobrar facilmente ou se adaptar às mudanças necessárias, lidar com problemas, tomar decisões e reagir diante de situações adversas, têm crescido nos últimos anos.

Diante do cenário atual, no qual muitas empresas precisaram se adaptar ao estilo de trabalho home office e algumas outras suspenderam temporariamente suas atividades, profissionais que se enquadrem nesse perfil de resiliência se tornaram ainda mais desejados nas empresas.

Mas, segundo Marta Pierina Verona, consultora de aplicação Master da Metadados, montar uma equipe ou tentar implantar essas medidas que levem a essa condição, não é uma tarefa fácil.

“Precisamos começar pelos líderes. Ter pessoas na linha de frente que possam ajudar na transição que estamos sofrendo no meio corporativo. Alguém que possa auxiliar na adaptação e visualizar novas oportunidades, sempre colocando as pessoas de sua equipe no centro da questão”, explica. A especialista também preparou outras dicas:

Resiliência

O momento é de adaptação no estilo de vida, muitas vezes de local e condições de trabalho, como redução de salário, suspensão de parte das equipes ou até mesmo demissão. Por isso, precisamos de um olhar profundo para dentro de nós, entender como enxergamos a nossa existência no mundo e das demais pessoas. O maior desafio para o período é avaliar em cada ação os nossos empregados e familiares. Para enfrentar o momento, precisamos praticar a empatia e a compaixão, além de cuidar da saúde mental, tentando equilibrar razão e emoção.

Comunicação e novas ferramentas

Mudamos processos, paradigmas e agora passamos a ver tudo diferente. O que era difícil de implantar passou a ser fácil e prático. Deixamos de resistir ao novo e começamos a precisar dele. É hora de buscar novas ferramentas, novos meios de comunicação interna, um jeito diferente de promover reuniões e de trabalhar. Entramos na era 4.0 de forma rápida e sem resistir. Crescemos!

Relacionamentos saudáveis

O relacionamento é fundamental em nossas vidas, tanto pessoal quanto profissional. O contato pessoal, a troca de mensagens e a ligação, se tornaram coisas fundamentais para o bem-estar. Houve uma união entre os profissionais e familiares com o modelo de trabalho home office. Além disso, muitos grupos foram formados para compartilhamento de conhecimento e informações. As relações entre as pessoas se tornaram pontes de aprendizagem.

Comprometimento

Pessoas comprometidas e com visão fazem toda diferença nas equipes. Essas pessoas são aquelas que mesmo a distância possui responsabilidade sobre suas entregas e tarefas. Este período está facilitando para as corporações e gestores enxergarem quem são elas e quem são as que não preenchem o requisito.

Conhecimento e criatividade

Conhecimento e criatividade fazem são importantes no ambiente de trabalho. Muitas vezes, desobedecer significa levar uma nova forma de aplicar e trabalhar. Existem vários pontos de vistas e não há verdade absoluta. Por isso, há a necessidade de aprendizagem contínua, pois tudo muda todos os dias e a pandemia nos mostrou isso.

Coragem

Se expor a diferentes estímulos e situações faz o profissional se destacar dos demais. Diante de tantas condições novas, precisamos ter um sentido para fazer o que estamos fazendo. Praticar a gratidão, o perdão, o não julgamento e alguns exercícios de meditação, por exemplo, também ajudam na missão do autoconhecimento e no desenvolvimento de novas habilidades profissionais.

Fonte: Contábeis – Amanda Santos